sexta-feira, 24 de outubro de 2008

Piratas virtuais utilizam morte de Eloá para espalhar vírus por e-mail

Piratas virtuais estão aproveitando a morte de Eloá Cristina Pimentel, 15, para espalhar um e-mail com vírus por meio de um link que remete o internauta a um vídeo falso. A jovem morreu na noite deste sábado após ter levado dois tiros no dia anterior, quando terminou de forma trágica mais de 100 horas de cárcere privado comandado por seu ex-namorado, Lindemberg Fernandes Alves, 22.

A mensagem que utiliza o nome da "Agência Estado" faz um breve relato do caso e no final afirma que o vídeo em anexo mostra que o disparo que matou Eloá partiu da arma da polícia. Até o momento, essa informação é falsa visto que dados do Instituto de Criminalística informam que as duas balas que atingiram a jovem partiram da arma de Alves, de calibre 32.
Além disso, o autor do texto comete erros de língua portuguesa e de concordância verbal na parte do documento que deturpa a verdade conhecida até o momento sobre os fatos do crime.

"A morte cerebral de Eloá foi anunciada, (sic) a polícia diz ter certeza de que os tiros que mataram e feriram Nayara foram disparados pela arma calibre 32 de Alves. Porem informações sigilosas afirmão (sic) que um policial do GATE usava munição verdadeira, este video mostra a hora em que o policial atira na direção de Lindemberg e acerta Eloá".

Fonte:
Uol

Postar um comentário

0 Comentários:

  © Blogando Novidades | Todos os direitos Reservados.

Voltar ao TOPO