terça-feira, 4 de novembro de 2008

Psiquiatras indicam saídas para superar a depressão

Doença psicológica gera muitas dúvidas entre a população


Muito se fala sobre a depressão, mas nem todo mundo sabe exatamente o que é essa doença.

Há confusão entre tristeza e não raro são prescritos medicamentos para quem não precisaria tomar.

O site da VIVA MAIS preparou um dossiê, baseado em perguntas das leitoras sobre o assunto, com os psiquiatras Leonardo Gama Filho e Rita Jardim. Veja algumas das informações

O que provoca a doença?
Há muitas causas. Luto, alterações de sono e apetite, transtorno de humor, esquizofrenia, ansiedade, doenças como mal de Parkinson, uso de drogas lícitas e ilícitas, demências e efeito colateral de remédios são algumas delas.

Quais os principais sintomas?
Desânimo até para atividades prazerosas, desinteresse geral, cansaço físico e mental, pessimismo, culpa, diminuição do desejo sexual, alterações de sono e apetite. Se tais sintomas durarem mais de duas semanas, busque ajuda.

Não ter ânimo é um aviso?
Apatia (perda de motivação) é sério sinal da depressão. Mas também pode vir de doenças doloridas física e psiquicamente (como câncer e Aids).

Eu me isolo, choro à toa, fico agressiva e penso em morrer. É estresse ou depressão?
O estresse pode levar a um quadro de ansiedade patológica, que ajuda a desencadear depressão. Seu caso remete a um transtorno depressivo, mas só o especialista pode diagnosticar e tratar.

Pode ser fuga da realidade?
Ficar deprimida não é mera tristeza, “fossa”, ou fuga da realidade. É uma doença grave, que afeta muito a forma como a pessoa se sente em relação a si mesma e exige cuidados.

Ocorre em qualquer idade?
Sim, mas é duas vezes mais freqüente em mulheres do que em homens. Crianças de ambos os sexos são igualmente afetadas e, em geral, apresentam dores de cabeça e estômago, irritabilidade e retraimento social. Já os idosos costumam ter falta de memória e de atenção e de capacidade de orientação.

Postar um comentário

0 Comentários:

  © Blogando Novidades | Todos os direitos Reservados.

Voltar ao TOPO